Posted in textos sobre nada on 30 de dezembro de 2012 by Carol

“As vezes ouço passar o vento; e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido.”
Fernando Pessoa
viento

Posted in textos sobre nada on 30 de agosto de 2012 by Carol

“Quantas pessoas que você amava
Hoje acredita que amam você?”

Posted in textos sobre nada on 6 de agosto de 2012 by Carol

Desejando, leve e despretensiosamente, que o sonho dessa noite se tornasse realidade.
(:

Posted in textos sobre nada on 24 de junho de 2012 by Carol


“Eu sonhei que estava exatamente aqui,
olhando pra você.”

Posted in textos sobre nada on 8 de junho de 2012 by Carol

amor é quando alguém não desiste.
(amor é coragem)

Posted in textos sobre nada on 20 de maio de 2012 by Carol


“E foi dito que a princesa retornou ao reino de seu pai.
E que ela reinou com justiça e bondade por muitos séculos.
Que ela foi amada por seus súditos.
Que ela deixou para trás pequenos traços de sua passagem pelo mundo… visíveis apenas para aqueles que sabiam onde olhar.”

(O Labirinto do Fauno)

Posted in textos sobre nada on 6 de abril de 2012 by Carol

Imagem

“My heart is here. And what does it matter where I live if my heart is in the right place?”